A CARREGAR

Escreve para pesquisar


Editorial

LVMH contribui com 40 milhões de máscaras na luta contra o coronavírus

Partilhas

No clima trágico que vivemos, o mundo da moda não tem faltado à chamada. Desta feita, coube à LVMH – a multinacional que detém a Louis Vuitton – solidarizar-se através de um contributo muito significativo, prometendo quarenta milhões de máscaras faciais para apoiar as autoridades francesas na luta contra o coronavírus.

De acordo com um comunicado da gigante francesa, a LVMH terá estabelecido um acordo com uma fabricante chinesa, com a chegada da primeira remessa de dez milhões de máscaras prevista já para os próximos dias. Ao longo das próximas semanas, as encomendas continuarão, até um total de – pelo menos – quarenta milhões de máscaras. A primeira leva tem um custo de 5 milhões de euros, com a LVMH a assumir responsabilidade pela maior parte do processo de produção e distribuição.

Recorde-se que já não é o primeiro contributo da Louis Vuitton para a luta contra esta pandemia – há uns dias, foi anunciado que as fábricas de perfumes e cosmética passariam a focar-se em gel hidroalcoólico, essencial para a desinfeção das mãos, e que se encontra já em produção, para ser posteriormente doado.

Entretanto, também o grupo Kering anunciou a disponibilização de meios para o combate ao vírus. Os atelier da Balenciaga e da Saint Laurent já receberam a aprovação das autoridades francesas para começarem a produzir equipamento de proteção, a que se somam três milhões de máscaras importadas da China.

 

 

A acompanhar de perto a lenda.

Tags:

Deixa um Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *